Livre - Wild



Filme belíssimo, esbanjando paisagens da costa oeste dos EUA, com impecável atuação de Reese Witherspoon, Wild foi baseado na autobiografia de Cheryl Strayed lançada em 2012.

Aos 22 anos, após a morte prematura de sua mãe, vítima de câncer de pulmão, um divórcio e uma fase de autodestruição, Cheryl Strayed (Reese Witherspoon) decide mudar e investir em uma nova vida. Ao divorciar-se, Cheryl resolve adotar o sobrenome “Strayed” - "aquela que se encontra perdida". E para achar-se, resolve fazer uma caminhada por 1100 milhas da Pacific Crest Trail, um percurso que se estende da fronteira dos Estados Unidos com o México até à sua fronteira com o Canadá seguindo os montes mais altos da Sierra Nevada e do Cascade Range paralelamente ao Oceano Pacífico, um total de 4260 km.

Não é apenas uma caminhada que se vê, mas dificuldades encontradas à beira do caminho, que podem surgir na vida de qualquer pessoa, e, principalmente, o encontro consigo mesma.

O filme segue num crescendo de emoções, com flash backs e metáforas (os pés feridos, o excesso de peso em suas costas e a necessidade de descartar o que não se precisa, a trilha como caminho da vida e suas encruzilhadas, as dúvidas e a crença em Deus, os medos, uma natureza selvagem e exuberante, a animalização pela qual ela passa durante sua transformação), mostrando sua vida, seus problemas, suas escolhas, as consequências de suas escolhas, e principalmente, o momento de se descobrir e recomeçar.

Não é um filme para apenas assistir e se deliciar com as belas interpretações dos atores e exuberantes paisagens, mas uma obra para se refletir sobre sua própria existência.





Ficha Técnica
País: EUA
Título original: Wild
Roteiro: Nick Hornby
Diretor: Jean Marc Vallée

Elenco



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...